Depois dos profissionais da saúde terem começado a ser vacinados na semana passada, cerca de 28 mil bombeiros que desempenham a função operacional do transporte pré-hospitalar vão receber a dose de reforço da vacina.

Segundo o Ministério da Administração Interna (MAI), a seleção e ordem de vacinação é da responsabilidade do respetivo comandante de cada corporação de bombeiros, tendo por referência os critérios operacionais definidos pela Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil.

Além dos bombeiros e dos profissionais de saúde e do setor social, estão atualmente a ser vacinados em Portugal com a terceira dose da vacina contra a Covid-19 as pessoas com mais de 65 anos.