A Bandeira das Cidades Educadoras será hasteada no edifício dos Paços do Concelho, pelas 10.30 horas do dia 30 de novembro, seguindo-se a leitura do Manifesto da Rede Territorial Portuguesa das Cidades Educadoras, pela Vereadora da Câmara Municipal de Odemira responsável pela área da Educação, Isabel Palma Raposo.

A este momento formal seguir-se-á, uma caminhada até ao Jardim Ribeirinho do Mira, onde será realizado um convívio desportivo “Odemira em Movimento”, a partir das 11.00 horas.

Para participar nesta iniciativa que celebra o Dia Internacional das Cidade Educadoras, o Município de Odemira convidou alunos do Jardim de Infância Nossa Senhora da Piedade e da escola do 1º ciclo de Odemira, a turma de Odemira do projeto municipal de desporto sénior Viver Ativo e a Associação de Paralisia Cerebral de Odemira (APCO).

Esta será a 6ª edição do Dia Internacional da Cidade Educadora, evento que ao longo dos anos mobilizou mais de 300 municípios de 20 países, implementada pela Associação Internacional de Cidades Educadoras.

Com o lema “A Cidade Educadora não deixa ninguém para trás”, defende-se que as Cidades Educadoras devem estar ao lado da população que mais precisa de apoio, para tornar inclusiva a recuperação após a pandemia.

Para tal, será necessário reforçar a ação das comunidades à luz dos valores da igualdade de oportunidades, da inclusão, do progresso social e do crescimento sustentável.